Image and video hosting by TinyPic

É só na terça-feira, mas os nervos já militam nos corações de muitos portistas.
Muitos (eu incluído) já fazem contas para ver quais os resultados favoráveis e até procuram estatísticas do passado em Inglaterra. Uma coisa é certa: da última vez que nos deslocámos a terras britânicas "arrancámos" um empate ao Manchester United, nos quartos-de-final da Champions do ano passado.
Temos tantas opções, e o Arsenal tem apenas uma. Podemos dar-nos ao luxo de perder, e não, não estou enganado, passo a explicar: Em caso de empate no fim da eliminatória os golos fora decidem, portanto podemos até perder, mas por 2-3, 3-4, 4-5, etc etc. O empate é, claro, um resultado favorável ao nosso plantel, graças à vitória no Dragão e a vitória é sem dúvida alguma a cereja em cima do bolo no fim da eliminatória. Enquanto que podemos perder, empatar ou ganhar, o Arsenal tem obrigatoriamente de vencer se não quiser ficar pelo caminho. E aqui as coisas complicam-se. Podemos pensar que mesmo que ganhem, passamos se perdermos por diferença de um golo, mas o primeiro resultado com golos é sempre 1-0, e esse resultado basta ao esquadrão de Arshavin, Nasri e Fabregas para vencerem a eliminatória, e tudo graças ao golo no Dragão. Temos de marcar primeiro, pelo menos como em Old Trafford, pois aí tudo se facilita para o nosso lado. Por outro lado, se o Arsenal marcar primeiro, é provável que jogue a defender o resultado - o que tornaria muito difícil marcar um golo - ou que ataque "à inglesa" e chegue mesmo à goleada. Pode muito bem (espero eu que não) ser o nosso último jogo na Champions até.. Nem sei, até à época de 2011/2012, visto que a próxima a passaremos na Liga Europa.

Para comentar, clique aqui.

2 comentários:

dragao vila pouca disse...

Gaspar, no post anterior não era aquele comentário que eu queria postar, mas deixa lá. Tenho de te dar os parabéns, estás a escrever muito bem, quem te viu e quem te vê, desde os tempos que não fazias outra coisa senão andar às turras com o Tiago...Até já és citado pelo Álvaro Magalhães...

Continua, o F.C.Porto precisa de gente jovem a dar a cara por ele.

Um abraço

Gaspar disse...

Muito obrigado Dragão Vila Pouca.
Viva o Porto!